PROFISSIONAIS DA SAÚDE

Carlos Patrício > FAQs > PROFISSIONAIS DA SAÚDE

Os Profissionais da Saúde, entendidos como médicos, médicas, enfermeiras, enfermeiros, técnicas, técnicos e auxiliares de enfermagem, nutricionistas, fisioterapeutas, entre muitos outros trabalhadores, atuam de forma fundamental para a garantia do direito à saúde. Por isso, costumam exercer as suas atividades em locais insalubres, expostos a doenças infectocontagiosas que apresentam risco à saúde desses trabalhadores, o que gera, por outro lado, o direito à recebimento do adicional de insalubridade, que pode variar de 10 a 40%, dependendo do grau de exposição aos agentes nocivos à saúde.

Para reduzir os riscos inerentes ao exercício das atividades, o empregador deve fornecer, gratuitamente, aos profissionais da saúde, equipamentos de proteção, bem como cumprir comas normas de segurança e medicina do trabalho, para garantir um meio ambiente de trabalho seguro.

Nesse contexto de pandemia, os tipos de EPIs obrigatórios são*: óculos ou protetor facial, máscara cirúrgica, capote ou avental, luvas de procedimentos, entre outros.

Vale dizer ainda que independente da jornada de trabalho contratada, se 12×36 ou 8 horas diárias e 44 semanais, a jornada diária trabalhada que ultrapassem as 22 horas até as 5 horas, serão remuneradas com acréscimo de 20%.

Os direitos dos Profissionais da Saúde também podem variar de acordo com as normas definidas de acordo com o conselho de cada categoria. Ficou alguma dúvida? Entre em contato com a gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *